Milhares de jovens peregrinam até o Santuário da Piedade, em Minas Gerais

Milhares de jovens participaram da 24ª Peregrinação da Juventude ao Santuário Basílica Nossa Senhora da Piedade, Padroeira de Minas, na quinta-feira, 15 de agosto.

A Peregrinação foi promovida pela Arquidiocese de Belo Horizonte, através do Secretariado Arquidiocesano de Juventude (SAJ).

Neste ano a Peregrinação propôs uma reflexão sobre o tema: “Juventude em missão pelo direito à vida” e com o lema “Com Maria, peregrinos e agentes da transformação”. Era proposto também um enfoque que promovia a preservação da Serra do Piedade, local onde se situa o Santuário da Padroeira de Minas, e uma recordação da necessidade de promoção da vida.

Programação

A programação iniciou-se às 8h. Os peregrinos subiam a Serra da Piedade rezando o terço.

Era uma multidão que caminhava rumo à Casa da Mãe Piedade, cantando músicas e fazendo suas orações.

Às 11h, todos se reuniram na Praça Cardeal Mota, diante da Ermida da Padroeira, para Celebrar a Eucaristia presidida por dom Vicente Ferreira, bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte e referencial para a juventude.

Um gesto de fé para todas as idades

Nathalia Marques Vieira é coordenadora do grupo Perseverança, da Paróquia São Tiago Maior, bairro São José, em Belo Horizonte.

Ela coordenou a participação de mais de 90 adolescentes que participaram ativamente de todos os atos da peregrinação.

A devoção e a alegria próprias da juventude marcaram a caminhada até o topo do Santuário.

Nathalia conta que essa foi a primeira peregrinação ao Santuário Basílica Nossa Senhora da Piedade que o grupo, criado em 2018, participou: “Foi uma bela experiência religiosa e um momento único de vivência da fé”, disse.

Mas, não eram só jovens subindo o longo e difícil caminho que leva ao topo da Serra.

No meio da multidão de jovens, uma senhora de 70 anos, cantava e distribuía sorrisos: era dona Vera Lúcia.

Ela contou que participa da Peregrinação há muitos anos. Dona Vera peregrinou com seus filhos por vários anos, por anos seguidos subiu com seus netos até o Santuário da Piedade e, agora, ela estava lá, firme e entusiasmada conduzindo seus bisnetos.

Num misto de alegria e emoção, dona Vera foi sincera quando afirmou:
“Não existe idade para ser jovem… ”

Embora acostumada a visitar o Santuário desde criança, a Peregrinação continua sendo um momento singular para dona Vera. Ela está lá todos os anos testemunhando sua Fé e tem especial carinho pela Peregrinação da Juventude: “a juventude tem uma alegria especial, quando estou no meio desses jovens, me sinto alegre, cheia de energia”.

Juventude: dom de grande valor

Durante sua homilia, Dom Vicente destacou a beleza singular da juventude: “muitos são os jovens aqui, cada um com suas características e essa multiplicidade de características é a beleza da juventude”.

O Bispo lembrou ainda que “a juventude é um dom de Deus de grande valor, que precisa ser vivido com alegria, mas com cuidado para não ser desperdiçado “.

Dom Vicente destacou um pedido aos que lá estavam: que “o jovem valorize a Casa Comum, preservando a natureza para o futuro, além de nossas vidas, pois mais belo presente que recebemos de Deus foi um mundo tão belo para se viver”.

Continuação

Terminada a celebração e após outras fases também marcantes da programação, os jovens rezaram pelas vítimas da tragédia Brumadinho (que fica perto da Serra) e, aos pés da imagem de Jesus crucificado, se comprometeram a rezar por todas as vítimas e seus familiares.

Ainda por algum tempo os jovens permaneceram no Santuário. Participaram de apresentações culturais, organizadas pelas Paróquias da Arquidiocese de Belo Horizonte. (JSG)

Fonte: Gaudium Press

FacebookTwitterWhatsApp